Loading
 
 
 
Loading
 
Musical sobre São José de Calasanz é apresentado em Minas Gerais
Loading
 
28 de Novembro de 2017 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Belo Horizonte - Minas Gerais (Terça-feira, 28-11-2017, Gaudium Press) Composta por crianças e adolescentes com idades entre 7 e 18 anos, a Orquestra e Coral Sonoro Despertar, da Paróquia São Marcos, apresenta neste ano o "Auto de Calasanz", encenação musical sobre a vida e obra de São José de Calasanz.

Musical sobre a vida e obra de São José de Calasanz é apresentado em Minas Gerais.jpg

A apresentação está marcada para o dia 10 de dezembro, às 20h, na Igreja São Judas Tadeu da Paróquia São Marcos, no bairro Ipê.

A Paróquia São Marcos, no bairro Maria Goretti, é considerada o berço do Projeto Sonoro Despertar - Orquestra de Flautas e Coral. Atualmente, a iniciativa reúne 130 crianças e adolescentes e, desde 2000, oferece formação musical a fim de despertar os participantes para a importância dos valores humanos, promovendo assim o desenvolvimento pleno e feliz.

O projeto foi idealizado pelo Padre Jésus Guergué Lafraya e está sob regência e coordenação pedagógica da professora Celeste Alda desde a sua fundação.

São José de Calasanz

Religioso e fundador da primeira escola pública cristã, da Ordem Religiosa das Escolas Pias e da Ordem Religiosa dos Padres Escolápios - que hoje atua na Paróquia São Marcos e no Projeto Sonoro Despertar, em Belo Horizonte -, dedicou sua vida à educação das crianças mais pobres.

São José Calasanz nasceu no ano de 1557, em Peralta de la Sal, em Aragão, Espanha. Em 1583, ordenou-se sacerdote, e depois, trabalhou por algum tempo na Diocese de Lérida e de La Seu d'Urgell.

No ano de 1592 foi para Roma com a intenção de abrir as primeiras escolas direcionadas à educação de crianças pobres e abandonadas.

Através desta iniciativa, outros sacerdotes se juntaram a José de Calasanz e, assim, criaram a Ordem Religiosa das Escolas Pias, que se estendeu rapidamente pela Itália, Espanha e Alemanha.

Em 25 de agosto de 1648, morreu aos 90 anos em Roma. Mais tarde, no dia 7 de agosto de 1748, foi reconhecido pela Igreja Católica como beato durante o pontificado do Papa Bento XIV. Já a canonização aconteceu em 16 de julho de 1767, feita pelo Papa Clemente XIII. (LMI)

Da redação Gaudium Press, com informações Arquidiocese de Belo Horizonte

Loading
Musical sobre São José de Calasanz é apresentado em Minas Gerais

Belo Horizonte - Minas Gerais (Terça-feira, 28-11-2017, Gaudium Press) Composta por crianças e adolescentes com idades entre 7 e 18 anos, a Orquestra e Coral Sonoro Despertar, da Paróquia São Marcos, apresenta neste ano o "Auto de Calasanz", encenação musical sobre a vida e obra de São José de Calasanz.

Musical sobre a vida e obra de São José de Calasanz é apresentado em Minas Gerais.jpg

A apresentação está marcada para o dia 10 de dezembro, às 20h, na Igreja São Judas Tadeu da Paróquia São Marcos, no bairro Ipê.

A Paróquia São Marcos, no bairro Maria Goretti, é considerada o berço do Projeto Sonoro Despertar - Orquestra de Flautas e Coral. Atualmente, a iniciativa reúne 130 crianças e adolescentes e, desde 2000, oferece formação musical a fim de despertar os participantes para a importância dos valores humanos, promovendo assim o desenvolvimento pleno e feliz.

O projeto foi idealizado pelo Padre Jésus Guergué Lafraya e está sob regência e coordenação pedagógica da professora Celeste Alda desde a sua fundação.

São José de Calasanz

Religioso e fundador da primeira escola pública cristã, da Ordem Religiosa das Escolas Pias e da Ordem Religiosa dos Padres Escolápios - que hoje atua na Paróquia São Marcos e no Projeto Sonoro Despertar, em Belo Horizonte -, dedicou sua vida à educação das crianças mais pobres.

São José Calasanz nasceu no ano de 1557, em Peralta de la Sal, em Aragão, Espanha. Em 1583, ordenou-se sacerdote, e depois, trabalhou por algum tempo na Diocese de Lérida e de La Seu d'Urgell.

No ano de 1592 foi para Roma com a intenção de abrir as primeiras escolas direcionadas à educação de crianças pobres e abandonadas.

Através desta iniciativa, outros sacerdotes se juntaram a José de Calasanz e, assim, criaram a Ordem Religiosa das Escolas Pias, que se estendeu rapidamente pela Itália, Espanha e Alemanha.

Em 25 de agosto de 1648, morreu aos 90 anos em Roma. Mais tarde, no dia 7 de agosto de 1748, foi reconhecido pela Igreja Católica como beato durante o pontificado do Papa Bento XIV. Já a canonização aconteceu em 16 de julho de 1767, feita pelo Papa Clemente XIII. (LMI)

Da redação Gaudium Press, com informações Arquidiocese de Belo Horizonte

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/91510-Musical-sobre-Sao-Jose-de-Calasanz-e-apresentado-em-Minas-Gerais. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

A norma muda a política atual, que requeria informar à Igreja sobre a intenção dos aspirantes co ...
 
Os símbolos da JMJ permanecerão na Venezuela até o dia 20 de novembro. ...
 
Dom Arturo Fajardo, Bispo de San José de Mayo foi eleito como presidente da Conferência Episcopal ...
 
O Cardeal Parolin foi enviado pelo do Papa às celebrações da Igreja no Mali. ...
 
A celebração aconteceu na Igreja São João Batista, no bairro Santa Maria das Vassouras. ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading