Loading
 
 
 
Loading
 
Sacerdotes e Diáconos de Milão se reúnem em celebração penitencial
Loading
 
15 de Fevereiro de 2018 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Itália - Milão (Quinta-feira, 15-02-2018, Gaudium Press) Entrar no "clima espiritual" é o propósito da celebração penitencial que reunirá na Catedral de Milão o clero desta cidade italiana na próxima sexta-feira, 16 de fevereiro. A jornada, que será presidida pelo Arcebispo, Dom Mario Delpini, ocorre dentro do tempo da Quaresma. Será um momento de escuta da Palavra de Deus e de penitência comunitária em preparação à Páscoa.

Sacerdotes e Diáconos de Milão se reúnem em celebração penitencial.jpg

Como explicado a partir da 'Chiesa di Milano', o portal Diocese ambrosiana, a iniciativa será uma jornada análoga à que se viveu em novembro de 2016 por ocasião do Jubileu da Misericórdia. Naquela ocasião, sacerdotes e diáconos de Milão se reuniram na Catedral -a famosa 'Duomo di Milano'- para uma comemoração penitencial. "Muitos sacerdotes e diáconos apreciaram esse momento, e a esperança era que se convertesse em um encontro anual para o clero diocesano", indicam a partir do portal da Igreja em Milão.

Nesta oportunidade o encontro penitencial estará inserido no itinerário "Caminhamos juntos. O desafio da sinodalidade" que está sendo desenvolvido pelo clero milanês como proposta de formação permanente, e com a qual se está trabalhando desde janeiro através de diversos encontros nos distintos decanatos da jurisdição eclesial, que contam com a participação tanto do clero como dos leigos.

"O objetivo do itinerário é o de ajudar a refletir sobre a dimensão da sinodalidade, colocá-la historicamente, provar e ver elementos de crítica e elaborar perspectivas praticáveis" expõem.

Para a jornada desta sexta-feira, 16, se tomará a proposta feita em seu momento do falecido Cardeal Carlo Maria Martini, que foi Arcebispo de Milão e animou a experiência da reconciliação como uma ampla vivência tendo em conta um triplo momento: 'confessio laudis, confessio vitae e confessio fidei'; isto é, louvor, confissão de vida e confissão de Fé.

Desta maneira, a celebração penitencial começará com uma ação de graças e louvor, contando com os testemunhos das experiências sinodais de Osvaldo Songini, leigo comprometido, que é membro do Conselho Pastoral Diocesano; do Diácono permanente Gabriele Penna, e de Carla Consonni, Consagrada do 'Ordo Virginum' - Ordem das Virgens.

Sobre isso, destaca o portal diocesano: "É significativo que, nesta ocasião, é o clero quem se coloca em atitude de escuta de outras figuras da Igreja, justamente como sinal da disponibilidade de 'caminhar juntos'.

Após a Ação de Graças, os membros do clero diocesano passarão por um momento de reflexão sobre seus pecados e faltas, que será guiado por Dom Franco Brovelli, que assumirá a leitura do Deuteronômio para falar da prova no deserto e da tentação a Terra prometida. A jornada fechará com as confissões, para as quais estarão disponíveis cerca de 50 sacerdotes.

O Arcebispo de Milão, Dom Mario Delpini está convidando sacerdotes e diáconos da Diocese para que se unam à celebração penitencial, e tirem proveito dela como vivência do caminho quaresmal, recentemente iniciado, e em preparação para a Páscoa da Ressurreição, com um sinal especial: a conversão. (EPC)

Loading
Sacerdotes e Diáconos de Milão se reúnem em celebração penitencial

Itália - Milão (Quinta-feira, 15-02-2018, Gaudium Press) Entrar no "clima espiritual" é o propósito da celebração penitencial que reunirá na Catedral de Milão o clero desta cidade italiana na próxima sexta-feira, 16 de fevereiro. A jornada, que será presidida pelo Arcebispo, Dom Mario Delpini, ocorre dentro do tempo da Quaresma. Será um momento de escuta da Palavra de Deus e de penitência comunitária em preparação à Páscoa.

Sacerdotes e Diáconos de Milão se reúnem em celebração penitencial.jpg

Como explicado a partir da 'Chiesa di Milano', o portal Diocese ambrosiana, a iniciativa será uma jornada análoga à que se viveu em novembro de 2016 por ocasião do Jubileu da Misericórdia. Naquela ocasião, sacerdotes e diáconos de Milão se reuniram na Catedral -a famosa 'Duomo di Milano'- para uma comemoração penitencial. "Muitos sacerdotes e diáconos apreciaram esse momento, e a esperança era que se convertesse em um encontro anual para o clero diocesano", indicam a partir do portal da Igreja em Milão.

Nesta oportunidade o encontro penitencial estará inserido no itinerário "Caminhamos juntos. O desafio da sinodalidade" que está sendo desenvolvido pelo clero milanês como proposta de formação permanente, e com a qual se está trabalhando desde janeiro através de diversos encontros nos distintos decanatos da jurisdição eclesial, que contam com a participação tanto do clero como dos leigos.

"O objetivo do itinerário é o de ajudar a refletir sobre a dimensão da sinodalidade, colocá-la historicamente, provar e ver elementos de crítica e elaborar perspectivas praticáveis" expõem.

Para a jornada desta sexta-feira, 16, se tomará a proposta feita em seu momento do falecido Cardeal Carlo Maria Martini, que foi Arcebispo de Milão e animou a experiência da reconciliação como uma ampla vivência tendo em conta um triplo momento: 'confessio laudis, confessio vitae e confessio fidei'; isto é, louvor, confissão de vida e confissão de Fé.

Desta maneira, a celebração penitencial começará com uma ação de graças e louvor, contando com os testemunhos das experiências sinodais de Osvaldo Songini, leigo comprometido, que é membro do Conselho Pastoral Diocesano; do Diácono permanente Gabriele Penna, e de Carla Consonni, Consagrada do 'Ordo Virginum' - Ordem das Virgens.

Sobre isso, destaca o portal diocesano: "É significativo que, nesta ocasião, é o clero quem se coloca em atitude de escuta de outras figuras da Igreja, justamente como sinal da disponibilidade de 'caminhar juntos'.

Após a Ação de Graças, os membros do clero diocesano passarão por um momento de reflexão sobre seus pecados e faltas, que será guiado por Dom Franco Brovelli, que assumirá a leitura do Deuteronômio para falar da prova no deserto e da tentação a Terra prometida. A jornada fechará com as confissões, para as quais estarão disponíveis cerca de 50 sacerdotes.

O Arcebispo de Milão, Dom Mario Delpini está convidando sacerdotes e diáconos da Diocese para que se unam à celebração penitencial, e tirem proveito dela como vivência do caminho quaresmal, recentemente iniciado, e em preparação para a Páscoa da Ressurreição, com um sinal especial: a conversão. (EPC)

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/93184-Sacerdotes-e-Diaconos-de-Milao-se-reunem-em-celebracao-penitencial. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

No próximo domingo, 24 de junho, a Catedral de Turim celebrará a festa do seu Padroeiro, São Joã ...
 
A proximidade dos Salesianos aos iemenitas fez com que a ordem religiosa promova neste sábado, 23, ...
 
Encontrar apoio na própria família é uma grande ajuda para os que dão este passo, e é uma grand ...
 
Conferência Episcopal do Peru comunica abertura de Centro de Auxílio a migrantes venezuelanos. ...
 
Confiança, Anúncio e Fraternidade: três palavras sobre as quais o Papa propôs aos verbitas uma r ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading