Loading
 
 
 
Loading
 
Cardeal do EUA convida fiéis a participarem da Jornada de Oração e Jejum pela Paz
Loading
 
20 de Fevereiro de 2018 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Estados Unidos - Washington (Terça-feira, 20-02-2018, Gaudium Press) O Papa Francisco convidou os católicos do mundo para participarem na próxima sexta-feira, dia 23 de fevereiro, da Primeira Semana da Quaresma, de um dia de oração e jejum pela paz, especialmente pela República Democrática do Congo e Sudão do Sul. A Igreja nos Estados Unidos, por convocação do Arcebispo de Galveston-Houston e Presidente do Episcopado do país norte-americano, Cardeal Daniel DiNardo, se somará de modo particular a esta iniciativa.

Cardeal do EUA convida fiéis a participarem da Jornada de Oração e Jejum pela Paz.jpg

O purpurado, através de uma mensagem transmitida pela Conferência dos Bispos Católicos dos Estados Unidos (USCCB), expressa: "Respondamos ao chamado do Santo Padre de orar e jejuar pela paz, especialmente pela Igreja e o povo do Sudão do Sul e da República Democrática do Congo. Convertamos nosso jejum em esmola e apoiemos o trabalho do 'Catholic Relief Services' em ambos os países".

Ele também disse que "tragicamente, o conflito se intensifica em ambas nações". Comenta que o Sudão do Sul "obteve sua independência em 2011 somente para ver-se vítima da corrupção e de uma sangrenta guerra civil", e na República Democrática do Congo, "o governo não respeita a Constituição, uma vez que a Igreja Católica promove corajosamente uma resolução pacífica do conflito entre os partidos do governo e da oposição".

"Em ambos países as famílias inocentes sofrem", acrescenta o Cardeal, para depois elevar uma oração: "Que Deus abençoe o Sudão do Sul, a República Democrática do Congo e nosso mundo com paz".

Para encorajar a participação dos católicos americanos, a USCCB, através do seu site, propõe três maneiras pelas quais os fiéis podem responder ao chamado do Papa para esta jornada de oração e jejum:

Primeiro, aprendendo sobre a situação na República Democrática do Congo e Sudão do Sul, e lendo a declaração do Cardeal DiNardo. Segundo, orando pela paz usando a Oração para o Dia de Oração e Jejum pela Paz na República Democrática do Congo, no Sudão do Sul e no mundo; ou qualquer das orações que a USCCB disponibilizou para a ocasião. E terceiro, compartilhando o que foi aprendido com os outros, espalhando a palavra no Facebook e no Twitter, convidando a paróquia a utilizar as orações dos fiéis para a Jornada; reunindo a comunidade para orar pela paz utilizando o Rosário pela Justiça e a Paz, a Coroinha da Misericórdia, as ladainhas do Santo Nome de Jesus ou do Sagrado Coração de Jesus, ou através da Hora Santa pela Paz.

Também se convida a dar aos 'Catholic Relief Services', que é a agência oficial de ajuda humanitária internacional da USCCB, sobretudo para apoiar ao trabalho realizado na consolidação da paz em ambos os países.

Esta jornada especial de oração e jejum pela paz na República Democrática do Congo e Sudão do Sul é uma convocação dirigida não apenas aos católicos, mas também aos não-cristãos e pessoas de boa vontade. Como manifestou o Sumo Pontífice ao anunciar este dia de oração no dia 04 de fevereiro, durante a oração do Angelus: "convido também aos irmãos e irmãs não-católicos e não-cristãos a participarem dessa iniciativa nas modalidades que considerarem mais apropriadas, mas todos juntos. Nosso Pai celestial sempre escuta aos seus filhos que clamam a Ele na dor e na angústia, 'sana os de coração quebrado e ata suas feridas' (Salmo 147, 3)"

O Papa continuou: "Dirijo um significativo chamado para que também ouçamos este grito e, cada um na própria consciência, diante de Deus, nos perguntemos: 'O que posso fazer pela paz?'. Seguramente podemos rezar; mas não apenas: cada um pode dizer especificamente 'não' à violência no que depende dele ou dela. Porque as vitórias obtidas com a violência são falsas vitórias; enquanto que trabalhar pela paz, faz bem a todos!". (EPC)

Loading
Cardeal do EUA convida fiéis a participarem da Jornada de Oração e Jejum pela Paz

Estados Unidos - Washington (Terça-feira, 20-02-2018, Gaudium Press) O Papa Francisco convidou os católicos do mundo para participarem na próxima sexta-feira, dia 23 de fevereiro, da Primeira Semana da Quaresma, de um dia de oração e jejum pela paz, especialmente pela República Democrática do Congo e Sudão do Sul. A Igreja nos Estados Unidos, por convocação do Arcebispo de Galveston-Houston e Presidente do Episcopado do país norte-americano, Cardeal Daniel DiNardo, se somará de modo particular a esta iniciativa.

Cardeal do EUA convida fiéis a participarem da Jornada de Oração e Jejum pela Paz.jpg

O purpurado, através de uma mensagem transmitida pela Conferência dos Bispos Católicos dos Estados Unidos (USCCB), expressa: "Respondamos ao chamado do Santo Padre de orar e jejuar pela paz, especialmente pela Igreja e o povo do Sudão do Sul e da República Democrática do Congo. Convertamos nosso jejum em esmola e apoiemos o trabalho do 'Catholic Relief Services' em ambos os países".

Ele também disse que "tragicamente, o conflito se intensifica em ambas nações". Comenta que o Sudão do Sul "obteve sua independência em 2011 somente para ver-se vítima da corrupção e de uma sangrenta guerra civil", e na República Democrática do Congo, "o governo não respeita a Constituição, uma vez que a Igreja Católica promove corajosamente uma resolução pacífica do conflito entre os partidos do governo e da oposição".

"Em ambos países as famílias inocentes sofrem", acrescenta o Cardeal, para depois elevar uma oração: "Que Deus abençoe o Sudão do Sul, a República Democrática do Congo e nosso mundo com paz".

Para encorajar a participação dos católicos americanos, a USCCB, através do seu site, propõe três maneiras pelas quais os fiéis podem responder ao chamado do Papa para esta jornada de oração e jejum:

Primeiro, aprendendo sobre a situação na República Democrática do Congo e Sudão do Sul, e lendo a declaração do Cardeal DiNardo. Segundo, orando pela paz usando a Oração para o Dia de Oração e Jejum pela Paz na República Democrática do Congo, no Sudão do Sul e no mundo; ou qualquer das orações que a USCCB disponibilizou para a ocasião. E terceiro, compartilhando o que foi aprendido com os outros, espalhando a palavra no Facebook e no Twitter, convidando a paróquia a utilizar as orações dos fiéis para a Jornada; reunindo a comunidade para orar pela paz utilizando o Rosário pela Justiça e a Paz, a Coroinha da Misericórdia, as ladainhas do Santo Nome de Jesus ou do Sagrado Coração de Jesus, ou através da Hora Santa pela Paz.

Também se convida a dar aos 'Catholic Relief Services', que é a agência oficial de ajuda humanitária internacional da USCCB, sobretudo para apoiar ao trabalho realizado na consolidação da paz em ambos os países.

Esta jornada especial de oração e jejum pela paz na República Democrática do Congo e Sudão do Sul é uma convocação dirigida não apenas aos católicos, mas também aos não-cristãos e pessoas de boa vontade. Como manifestou o Sumo Pontífice ao anunciar este dia de oração no dia 04 de fevereiro, durante a oração do Angelus: "convido também aos irmãos e irmãs não-católicos e não-cristãos a participarem dessa iniciativa nas modalidades que considerarem mais apropriadas, mas todos juntos. Nosso Pai celestial sempre escuta aos seus filhos que clamam a Ele na dor e na angústia, 'sana os de coração quebrado e ata suas feridas' (Salmo 147, 3)"

O Papa continuou: "Dirijo um significativo chamado para que também ouçamos este grito e, cada um na própria consciência, diante de Deus, nos perguntemos: 'O que posso fazer pela paz?'. Seguramente podemos rezar; mas não apenas: cada um pode dizer especificamente 'não' à violência no que depende dele ou dela. Porque as vitórias obtidas com a violência são falsas vitórias; enquanto que trabalhar pela paz, faz bem a todos!". (EPC)

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/93253-Cardeal-do-EUA-convida-fieis-a-participarem-da-Jornada-de-Oracao-e-Jejum-pela-Paz. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

No próximo domingo, 24 de junho, a Catedral de Turim celebrará a festa do seu Padroeiro, São Joã ...
 
A proximidade dos Salesianos aos iemenitas fez com que a ordem religiosa promova neste sábado, 23, ...
 
Encontrar apoio na própria família é uma grande ajuda para os que dão este passo, e é uma grand ...
 
Conferência Episcopal do Peru comunica abertura de Centro de Auxílio a migrantes venezuelanos. ...
 
Confiança, Anúncio e Fraternidade: três palavras sobre as quais o Papa propôs aos verbitas uma r ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading