Loading
 
 
 
Loading
 
Por que a Quaresma?
Loading
 
21 de Fevereiro de 2018 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Redação (Quarta-feira, 21-02-2018, Gaudium Press) Desde os primórdios do Cristianismo a "Quaresma marcou para os cristãos um tempo de graça, oração, penitência e jejum, afim de obter a conversão". Ela nos faz lembrar as palavras do Mestre divino: "Se não fizerdes penitência, todos perecereis" (Lc 13,3).

21-02-2018Por que a Quaresma.png

Esses quarenta dias que precedem a Semana Santa, são colocados pela Igreja para que cada um de nós se prepare para a maior de todas as Solenidades litúrgicas do ano, a Páscoa, a grande celebração da Ressurreição de Jesus, a vitória Dele e nossa sobre o Mal, sobre o pecado, sobre a morte e sobre o inferno.

A Carta apostólica do Papa Paulo VI, aprovando as Normas Universais do Ano 0 Litúrgico e o novo Calendário Romano geral, diz, no n. 28: "O tempo da Quaresma vai de Quarta-feira de Cinzas até a Missa na Ceia do Senhor (Quinta-feira santa, à tarde), inclusive".

Jesus está presente na Liturgia

A celebração litúrgica não é mera lembrança do passado, algo que aconteceu com Jesus e passou, não. Jesus está presente na Liturgia. O Catecismo diz que: "Pela liturgia, Cristo, nosso redentor e sumo sacerdote, continua em sua Igreja, com ela e por ela, a obra de nossa redenção. " (§1069). Isto é, pela Liturgia da Igreja Ele continua a nos salvar, especialmente pelos Sacramentos, e faz tornar presente a nossa redenção.

Mas, para que o cristão possa se beneficiar dessa celebração precisa estar preparado, com a alma purificada e o coração sedento de Deus. A Igreja recomenda sobretudo que vivamos aquilo que ela chama de "remédios contra o pecado" (jejum, esmola e oração), que Jesus recomendou no Sermão da Montanha (Mt 6, 1-8) e que a Igreja nos coloca diante dos olhos logo na Quarta-feira de Cinzas, na abertura da Quaresma.

Meta da Quaresma

A meta da Quaresma é a expiação dos pecados; pois eles são a lepra da alma. Não existe nada pior do que o pecado para o homem, a Igreja e o mundo.

Todos os exercícios de piedade e de mortificação têm com objetivo de livrar-nos do pecado.

O jejum fortalece o espírito e a vontade para que as paixões desordenadas, especialmente aquelas que se referem ao corpo (gula, luxúria, preguiça), não dominem a nossa vida e a nossa conduta. A esmola socorre o pobre necessitado e produz em nós o desapego e o despojamento dos bens terrenos; isto nos ajuda a vencer a ganância e o apego ao dinheiro.

A oração fortalece a alma no combate contra o pecado. Jesus recomendou na noite de sua agonia: "Vigiai e orai, o espírito é forte mas a carne é fraca". A Palavra de Deus nos ensina:

"É boa a oração acompanhada do jejum e dar esmola vale mais do que juntar tesouros de ouro, porque a esmola livra da morte, e é a que apaga os pecados, e faz encontrar a misericórdia e a vida eterna" (Tb 12, 8-9).

"A água apaga o fogo ardente, e a esmola resiste aos pecados" (Eclo 3,33). "Encerra a esmola no seio do pobre, e ela rogará por ti para te livrar de todo o mal" (Eclo 29,15).

21-02-2018--Por que a Quaresma.jpg

Jesus ensinou: "É necessário orar sempre sem jamais deixar de fazê-lo" (Lc 18,1b); "Vigiai e orai para que não entreis em tentação" (Mt 26,41a); "Pedi a se vos dará" (Mt 7,7). E São Paulo recomendou: "Orai sem cessar" (I Ts 5,17).

Quaresma é, pois, tempo de rompimento total com o pecado. Alguns pensam que não têm pecado, se julgam irrepreensíveis, como aquele fariseu da parábola que desprezava o pobre publicano (Lc 18,10 ss); mas na verdade, muitas vezes não percebem os próprios pecados por causa de uma consciência malformada que acaba encobrindo-os. Para não cairmos neste erro temos de comparar a nossa vida com aqueles que foram os modelos de santidade: Cristo e os Santos.

Assim podemos nos preparar para o Banquete pascal glorioso, encontrando-se com o Senhor ressuscitado e glorioso com a alma renovada no seu amor.

 

Prof. Felipe Aquino
(Professor de História da Igreja no Instituto de Teologia Bento XVI, da Diocese de Lorena, Cavaleiro de São Gregório Magno, Apresentador das emissoras católicas Rádio e TV Canção Nova)

 

Loading
Por que a Quaresma?

Redação (Quarta-feira, 21-02-2018, Gaudium Press) Desde os primórdios do Cristianismo a "Quaresma marcou para os cristãos um tempo de graça, oração, penitência e jejum, afim de obter a conversão". Ela nos faz lembrar as palavras do Mestre divino: "Se não fizerdes penitência, todos perecereis" (Lc 13,3).

21-02-2018Por que a Quaresma.png

Esses quarenta dias que precedem a Semana Santa, são colocados pela Igreja para que cada um de nós se prepare para a maior de todas as Solenidades litúrgicas do ano, a Páscoa, a grande celebração da Ressurreição de Jesus, a vitória Dele e nossa sobre o Mal, sobre o pecado, sobre a morte e sobre o inferno.

A Carta apostólica do Papa Paulo VI, aprovando as Normas Universais do Ano 0 Litúrgico e o novo Calendário Romano geral, diz, no n. 28: "O tempo da Quaresma vai de Quarta-feira de Cinzas até a Missa na Ceia do Senhor (Quinta-feira santa, à tarde), inclusive".

Jesus está presente na Liturgia

A celebração litúrgica não é mera lembrança do passado, algo que aconteceu com Jesus e passou, não. Jesus está presente na Liturgia. O Catecismo diz que: "Pela liturgia, Cristo, nosso redentor e sumo sacerdote, continua em sua Igreja, com ela e por ela, a obra de nossa redenção. " (§1069). Isto é, pela Liturgia da Igreja Ele continua a nos salvar, especialmente pelos Sacramentos, e faz tornar presente a nossa redenção.

Mas, para que o cristão possa se beneficiar dessa celebração precisa estar preparado, com a alma purificada e o coração sedento de Deus. A Igreja recomenda sobretudo que vivamos aquilo que ela chama de "remédios contra o pecado" (jejum, esmola e oração), que Jesus recomendou no Sermão da Montanha (Mt 6, 1-8) e que a Igreja nos coloca diante dos olhos logo na Quarta-feira de Cinzas, na abertura da Quaresma.

Meta da Quaresma

A meta da Quaresma é a expiação dos pecados; pois eles são a lepra da alma. Não existe nada pior do que o pecado para o homem, a Igreja e o mundo.

Todos os exercícios de piedade e de mortificação têm com objetivo de livrar-nos do pecado.

O jejum fortalece o espírito e a vontade para que as paixões desordenadas, especialmente aquelas que se referem ao corpo (gula, luxúria, preguiça), não dominem a nossa vida e a nossa conduta. A esmola socorre o pobre necessitado e produz em nós o desapego e o despojamento dos bens terrenos; isto nos ajuda a vencer a ganância e o apego ao dinheiro.

A oração fortalece a alma no combate contra o pecado. Jesus recomendou na noite de sua agonia: "Vigiai e orai, o espírito é forte mas a carne é fraca". A Palavra de Deus nos ensina:

"É boa a oração acompanhada do jejum e dar esmola vale mais do que juntar tesouros de ouro, porque a esmola livra da morte, e é a que apaga os pecados, e faz encontrar a misericórdia e a vida eterna" (Tb 12, 8-9).

"A água apaga o fogo ardente, e a esmola resiste aos pecados" (Eclo 3,33). "Encerra a esmola no seio do pobre, e ela rogará por ti para te livrar de todo o mal" (Eclo 29,15).

21-02-2018--Por que a Quaresma.jpg

Jesus ensinou: "É necessário orar sempre sem jamais deixar de fazê-lo" (Lc 18,1b); "Vigiai e orai para que não entreis em tentação" (Mt 26,41a); "Pedi a se vos dará" (Mt 7,7). E São Paulo recomendou: "Orai sem cessar" (I Ts 5,17).

Quaresma é, pois, tempo de rompimento total com o pecado. Alguns pensam que não têm pecado, se julgam irrepreensíveis, como aquele fariseu da parábola que desprezava o pobre publicano (Lc 18,10 ss); mas na verdade, muitas vezes não percebem os próprios pecados por causa de uma consciência malformada que acaba encobrindo-os. Para não cairmos neste erro temos de comparar a nossa vida com aqueles que foram os modelos de santidade: Cristo e os Santos.

Assim podemos nos preparar para o Banquete pascal glorioso, encontrando-se com o Senhor ressuscitado e glorioso com a alma renovada no seu amor.

 

Prof. Felipe Aquino
(Professor de História da Igreja no Instituto de Teologia Bento XVI, da Diocese de Lorena, Cavaleiro de São Gregório Magno, Apresentador das emissoras católicas Rádio e TV Canção Nova)

 

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/93285-Por-que-a-Quaresma-. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

No próximo domingo, 24 de junho, a Catedral de Turim celebrará a festa do seu Padroeiro, São Joã ...
 
A proximidade dos Salesianos aos iemenitas fez com que a ordem religiosa promova neste sábado, 23, ...
 
Encontrar apoio na própria família é uma grande ajuda para os que dão este passo, e é uma grand ...
 
Conferência Episcopal do Peru comunica abertura de Centro de Auxílio a migrantes venezuelanos. ...
 
Confiança, Anúncio e Fraternidade: três palavras sobre as quais o Papa propôs aos verbitas uma r ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading