Loading
 
 
 
Loading
 
Nova onda de ataques anticristãos deixa 15 aldeias arrasadas na Nigéria
Loading
 
22 de Fevereiro de 2018 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Nigéria - Abuja (Quinta-feira, 22-02-2018, Gaudium Press) A organização 'Open Doors', dedicada à promoção da liberdade religiosa, denunciou uma nova onda de graves ataques anticristãos na Nigéria, levados a cabo por grupos de pastores nômades Fulani e que deixa até agora um saldo de 15 aldeias atacadas, templos destruídos e dezenas de fiéis massacrados.

Nova onda de ataques anticristãos deixa 15 aldeias arrasadas na Nigéria.jpg

"Um dos ataques ocorreu em plena luz do dia, enquanto as pessoas se dirigiam à igreja. Os assaltantes perseguiram e assassinaram os moradores e queimaram nove templos e muitas outras casas", indicou um porta-voz da 'Open Doors' à agência de notícias britânica 'Express'. A organização denunciou que não houve uma resposta eficaz das autoridades na proteção das comunidades cristãs.

As denúncias da organização assinalam a indiferença governamental na matéria: "Apesar de várias chamadas para o governador e seu deputado, e outras autoridades de segurança, o governo permaneceu calado enquanto continuam as atrocidades", alertou 'Open Doors'. "Os Fulani puderam realizar seu ataque fatal. Ficaram por horas no bairro, movendo-se à vontade, sem confronto".

De acordo com uma porta-voz do povo Tiv, a violência no estado de Nasarawa já causou a destruição de 25 aldeias. "Desde o começo da crise em 15 de janeiro deste ano, devido ao ataque dos pastores Fulani às nossas populações, o Tiv foi deslocado de suas casas ancestrais", informou. "O governador do estado de Nasarawa, Tanko Almakura, tem feito muito pouco para controlar a situação".

A falta de garantias para os fiéis no norte do país e agora na região central permitiram a permanência de situações de exclusão e discriminação e os atos de violência por parte de grupos radicais islâmicos como Boko Haram e os Fulani, que resultaram na expropriação das terras, a perda de bens e numerosos assassinatos e feridos em um clima de violência anticristã que avança até o sul do país. (EPC)

Loading
Nova onda de ataques anticristãos deixa 15 aldeias arrasadas na Nigéria

Nigéria - Abuja (Quinta-feira, 22-02-2018, Gaudium Press) A organização 'Open Doors', dedicada à promoção da liberdade religiosa, denunciou uma nova onda de graves ataques anticristãos na Nigéria, levados a cabo por grupos de pastores nômades Fulani e que deixa até agora um saldo de 15 aldeias atacadas, templos destruídos e dezenas de fiéis massacrados.

Nova onda de ataques anticristãos deixa 15 aldeias arrasadas na Nigéria.jpg

"Um dos ataques ocorreu em plena luz do dia, enquanto as pessoas se dirigiam à igreja. Os assaltantes perseguiram e assassinaram os moradores e queimaram nove templos e muitas outras casas", indicou um porta-voz da 'Open Doors' à agência de notícias britânica 'Express'. A organização denunciou que não houve uma resposta eficaz das autoridades na proteção das comunidades cristãs.

As denúncias da organização assinalam a indiferença governamental na matéria: "Apesar de várias chamadas para o governador e seu deputado, e outras autoridades de segurança, o governo permaneceu calado enquanto continuam as atrocidades", alertou 'Open Doors'. "Os Fulani puderam realizar seu ataque fatal. Ficaram por horas no bairro, movendo-se à vontade, sem confronto".

De acordo com uma porta-voz do povo Tiv, a violência no estado de Nasarawa já causou a destruição de 25 aldeias. "Desde o começo da crise em 15 de janeiro deste ano, devido ao ataque dos pastores Fulani às nossas populações, o Tiv foi deslocado de suas casas ancestrais", informou. "O governador do estado de Nasarawa, Tanko Almakura, tem feito muito pouco para controlar a situação".

A falta de garantias para os fiéis no norte do país e agora na região central permitiram a permanência de situações de exclusão e discriminação e os atos de violência por parte de grupos radicais islâmicos como Boko Haram e os Fulani, que resultaram na expropriação das terras, a perda de bens e numerosos assassinatos e feridos em um clima de violência anticristã que avança até o sul do país. (EPC)

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/93316-Nova-onda-de-ataques-anticristaos-deixa-15-aldeias-arrasadas-na-Nigeria. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

No próximo domingo, 24 de junho, a Catedral de Turim celebrará a festa do seu Padroeiro, São Joã ...
 
A proximidade dos Salesianos aos iemenitas fez com que a ordem religiosa promova neste sábado, 23, ...
 
Encontrar apoio na própria família é uma grande ajuda para os que dão este passo, e é uma grand ...
 
Conferência Episcopal do Peru comunica abertura de Centro de Auxílio a migrantes venezuelanos. ...
 
Confiança, Anúncio e Fraternidade: três palavras sobre as quais o Papa propôs aos verbitas uma r ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading