Loading
 
 
 
Loading
 
“Os jovens são uma riqueza para nossos povos”: Pastoral Juvenil México-América Central
Loading
 
20 de Março de 2018 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Costa Rica - San José (Terça-feira, 20-03-2018, Gaudium Press) "Somos conscientes de que os jovens são uma riqueza para nossos povos, riqueza que se reflete na alegria, a esperança, a capacidade de sonhar, sensibilidade e solidariedade com aqueles que sofrem por causa da violência, miséria, discriminação, corrupção, tráfico de drogas e a perseguição por causa de seus ideais", diz parte da mensagem conclusiva da Pastoral Juvenil México-América Central, que recentemente celebrou o XIII Encontro Regional com a presença de Bispos, Sacerdotes, assessores e jovens delegados dos países da América Central e México. "Os desafios diante o Sínodo dos Bispos sobre os jovens, a Fé e o discernimento vocacional", "Caminho ao Sínodo: chamada ao Amor e à Vida" foram respectivamente o tema e lema do encontro realizado em San José, Costa Rica.

Os jovens são uma riqueza para nossos povos Pastoral Juvenil México-América Central.jpg
Na mensagem conclusiva, recorda-se também que Deus continua a chamar todos os jovens, cada um pelo seu nome, "para serem protagonistas na transformação" das diferentes realidades; "uma transformação com justiça social à luz do Evangelho e do Magistério da Igreja".

A Pastoral Juvenil do México-América Central, vê também com esperança a realização do Sínodo dos Jovens, que ocorrerá no próximo mês de outubro em Roma por convocatória do Papa Francisco: "Nos entusiasma que a igreja coloque seu olhar nos jovens e promova espaços de participação para que, com seu dinamismo, sejam a força renovadora das estruturas e da ação pastoral".

Por esta razão, fazem um chamado aos agentes da Pastoral Juvenil, quer dizer, aos Bispos, Sacerdotes, leigos, educadores e, acima de tudo, aos pais de família, para que "revitalizem o acompanhamento do discernimento vocacional e projeto de vida dos jovens".

Em outro momento, fazem um convite para que continue a preparação para a Jornada Mundial da Juventude (JMJ), que se celebrará no Panamá em janeiro de 2019; "momento de graça que nossa Igreja dá à nossa região", e elevam uma oração para que "Deus acompanhe este caminho com a convicção de saber-nos que somos chamados a responder 'Eis aqui a serva do Senhor, faça-se em mim segundo a tua palavra'".

Os representantes da Pastoral Juvenil do México-América Central reafirmam seu compromisso de continuar com a revitalização de seus processos pastorais. "Como João, o discípulo amado, seguimos perguntando: 'Mestre, onde vives?' dispostos a escutar claramente a voz do Senhor que nos diz 'venham e verão'", dizem.

"Nos encomendamos à proteção de nossa mãe em sua invocação Nossa Senhora dos Anjos padroeira destas terras Costarricenses que com generosamente temos acolhido. Voltamos aos nossos países convencidos de anunciar o que vimos e ouvimos", concluem.

Como recorda o Conselho Episcopal Latino-Americano (CELAM), em um comunicado de imprensa, o Encontro Regional da Pastoral Juvenil é a instância mais ampla da representatividade, participação, discussão e decisão com a qual conta a região México-América Central. Este acontece a cada dois anos, com uma sede distinta em cada ocasião, para assim promover a participação, colaboração e integração dos países da região. (EPC)

Loading
“Os jovens são uma riqueza para nossos povos”: Pastoral Juvenil México-América Central

Costa Rica - San José (Terça-feira, 20-03-2018, Gaudium Press) "Somos conscientes de que os jovens são uma riqueza para nossos povos, riqueza que se reflete na alegria, a esperança, a capacidade de sonhar, sensibilidade e solidariedade com aqueles que sofrem por causa da violência, miséria, discriminação, corrupção, tráfico de drogas e a perseguição por causa de seus ideais", diz parte da mensagem conclusiva da Pastoral Juvenil México-América Central, que recentemente celebrou o XIII Encontro Regional com a presença de Bispos, Sacerdotes, assessores e jovens delegados dos países da América Central e México. "Os desafios diante o Sínodo dos Bispos sobre os jovens, a Fé e o discernimento vocacional", "Caminho ao Sínodo: chamada ao Amor e à Vida" foram respectivamente o tema e lema do encontro realizado em San José, Costa Rica.

Os jovens são uma riqueza para nossos povos Pastoral Juvenil México-América Central.jpg
Na mensagem conclusiva, recorda-se também que Deus continua a chamar todos os jovens, cada um pelo seu nome, "para serem protagonistas na transformação" das diferentes realidades; "uma transformação com justiça social à luz do Evangelho e do Magistério da Igreja".

A Pastoral Juvenil do México-América Central, vê também com esperança a realização do Sínodo dos Jovens, que ocorrerá no próximo mês de outubro em Roma por convocatória do Papa Francisco: "Nos entusiasma que a igreja coloque seu olhar nos jovens e promova espaços de participação para que, com seu dinamismo, sejam a força renovadora das estruturas e da ação pastoral".

Por esta razão, fazem um chamado aos agentes da Pastoral Juvenil, quer dizer, aos Bispos, Sacerdotes, leigos, educadores e, acima de tudo, aos pais de família, para que "revitalizem o acompanhamento do discernimento vocacional e projeto de vida dos jovens".

Em outro momento, fazem um convite para que continue a preparação para a Jornada Mundial da Juventude (JMJ), que se celebrará no Panamá em janeiro de 2019; "momento de graça que nossa Igreja dá à nossa região", e elevam uma oração para que "Deus acompanhe este caminho com a convicção de saber-nos que somos chamados a responder 'Eis aqui a serva do Senhor, faça-se em mim segundo a tua palavra'".

Os representantes da Pastoral Juvenil do México-América Central reafirmam seu compromisso de continuar com a revitalização de seus processos pastorais. "Como João, o discípulo amado, seguimos perguntando: 'Mestre, onde vives?' dispostos a escutar claramente a voz do Senhor que nos diz 'venham e verão'", dizem.

"Nos encomendamos à proteção de nossa mãe em sua invocação Nossa Senhora dos Anjos padroeira destas terras Costarricenses que com generosamente temos acolhido. Voltamos aos nossos países convencidos de anunciar o que vimos e ouvimos", concluem.

Como recorda o Conselho Episcopal Latino-Americano (CELAM), em um comunicado de imprensa, o Encontro Regional da Pastoral Juvenil é a instância mais ampla da representatividade, participação, discussão e decisão com a qual conta a região México-América Central. Este acontece a cada dois anos, com uma sede distinta em cada ocasião, para assim promover a participação, colaboração e integração dos países da região. (EPC)


 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

O último ato do CAM – V foi a Missa de envio missionário e um Dia Missionário nas paróquias. ...
 
Maria vestiu Jesus, desde o seu nascimento, como esmerada e devotada Mãe. Assim, Ela nos quer reves ...
 
“O discípulo missionário tem antes de tudo o seu centro de referência, que é a pessoa de Jesus ...
 
Dom Paulo Mendes Peixoto cita Jesus Cristo, que se apresentou como mestre para construir uma realida ...
 
“Queremos utilizar essa ferramenta para evangelizar, informar e interagir com maior rapidez com os ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading