Loading
 
 
 
Loading
 
“A Igreja precisa da oração uns dos outros”, afirma Cardeal Scherer
Loading
 
23 de Março de 2018 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

São Paulo (Sexta-feira, 23-03-2018, Gaudium Press) O Cardeal Arcebispo Dom Odilo Pedro Scherer celebrou no último domingo, 18 de março, o encerramento do Cenáculo Mariano. "Junto a Maria, nos dirijamos a Deus, nosso Pai, para viver este momento de profunda fé", disse o purpurado aos fiéis presentes na Catedral Metropolitana de São Paulo (Catedral da Sé).

A Igreja precisa da oração uns dos outros, afirma Cardeal Scherer.jpg

O templo, aliás, estava repleto de membros de Cenáculo, promovido pelo Movimento Sacerdotal Mariano - fundado em 1972, em Fátima, Portugal, pelo Padre Stefano Gobbi (1930-2011), com a intenção de difundir pelo mundo a consagração de sacerdotes e leigos ao Imaculado Coração de Maria.

Na cerimônia, houve um momento de adoração eucarística, com orações e cânticos, enquanto os sacerdotes diversos encontravam-se disponíveis para atender as confissões dos fiéis.

Em sua homilia, o Cardeal Scherer salientou que a oração pelos sacerdotes, bem como pelo Papa, é muito importante, pois "a Igreja precisa da oração uns dos outros", de modo muito especial, na intenção das vocações daqueles que vivem o serviço do Bom Pastor. "Continuem a rezar em suas casas nessas intenções. A oração de fé sempre chega a Deus", aconselhou.

Os cenáculos são encontros de oração, sendo a recitação do Terço característica comum a todos eles. A consagração vivida em comunidade é outro aspecto essencial dos membros do Movimento.

Ao longo dos Cenáculos, os participantes pretendem, à imitação dos discípulos, reunidos com Maria Santíssima no Cenáculo de Jerusalém, rezar com a Mãe de Deus.

Nos cenáculos, as famílias fazem a recitação do Rosário, assim como a meditação da Palavra de Deus, do Catecismo da Igreja Católica e do conteúdo do livro "Mensagem aos Sacerdotes, filhos prediletos de Nossa Senhora", que apresenta os fundamentos da espiritualidade do Movimento.

No Brasil, o Movimento possui 5 milhões de seguidores leigos, além de milhares de sacerdotes, que reforçam seus compromissos principais, que são a consagração ao Imaculado Coração de Maria, a unidade e fidelidade ao Papa e à Igreja a ele unida e a difusão dos cenáculos de oração. (LMI)

Da redação Gaudium Press, com informações Arquidiocese de São Paulo

Loading
“A Igreja precisa da oração uns dos outros”, afirma Cardeal Scherer

São Paulo (Sexta-feira, 23-03-2018, Gaudium Press) O Cardeal Arcebispo Dom Odilo Pedro Scherer celebrou no último domingo, 18 de março, o encerramento do Cenáculo Mariano. "Junto a Maria, nos dirijamos a Deus, nosso Pai, para viver este momento de profunda fé", disse o purpurado aos fiéis presentes na Catedral Metropolitana de São Paulo (Catedral da Sé).

A Igreja precisa da oração uns dos outros, afirma Cardeal Scherer.jpg

O templo, aliás, estava repleto de membros de Cenáculo, promovido pelo Movimento Sacerdotal Mariano - fundado em 1972, em Fátima, Portugal, pelo Padre Stefano Gobbi (1930-2011), com a intenção de difundir pelo mundo a consagração de sacerdotes e leigos ao Imaculado Coração de Maria.

Na cerimônia, houve um momento de adoração eucarística, com orações e cânticos, enquanto os sacerdotes diversos encontravam-se disponíveis para atender as confissões dos fiéis.

Em sua homilia, o Cardeal Scherer salientou que a oração pelos sacerdotes, bem como pelo Papa, é muito importante, pois "a Igreja precisa da oração uns dos outros", de modo muito especial, na intenção das vocações daqueles que vivem o serviço do Bom Pastor. "Continuem a rezar em suas casas nessas intenções. A oração de fé sempre chega a Deus", aconselhou.

Os cenáculos são encontros de oração, sendo a recitação do Terço característica comum a todos eles. A consagração vivida em comunidade é outro aspecto essencial dos membros do Movimento.

Ao longo dos Cenáculos, os participantes pretendem, à imitação dos discípulos, reunidos com Maria Santíssima no Cenáculo de Jerusalém, rezar com a Mãe de Deus.

Nos cenáculos, as famílias fazem a recitação do Rosário, assim como a meditação da Palavra de Deus, do Catecismo da Igreja Católica e do conteúdo do livro "Mensagem aos Sacerdotes, filhos prediletos de Nossa Senhora", que apresenta os fundamentos da espiritualidade do Movimento.

No Brasil, o Movimento possui 5 milhões de seguidores leigos, além de milhares de sacerdotes, que reforçam seus compromissos principais, que são a consagração ao Imaculado Coração de Maria, a unidade e fidelidade ao Papa e à Igreja a ele unida e a difusão dos cenáculos de oração. (LMI)

Da redação Gaudium Press, com informações Arquidiocese de São Paulo

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/93973--ldquo-A-Igreja-precisa-da-oracao-uns-dos-outros-rdquo---afirma-Cardeal-Scherer. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

Segundo o purpurado, “um cristão não pode deixar de ser alegre, otimista, e ter uma concepção ...
 
Igreja indiana na linha de frente nas horas dramáticas, quando o Estado de Kerala sofre violentas c ...
 
O Encontro Mundial das Famílias será realizado entre os dias 22 a 26 de agosto na Irlanda. ...
 
O Padre Pedro Pablo Garín, Vigário da Vida Consagrada, presidiu a Missa. ...
 
Um monge sonhou com uma imagem de Nossa Senhora que estava enterrada no alto de uma montanha de dif ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading