Loading
 
 
 
Loading
 
Cardeal Cañizares celebra o início do Ano Jubilar Vicentino
Loading
 
9 de Abril de 2018 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Espanha - Valência (Segunda-feira, 09-04-2018, Gaudium Press) Por ocasião do início do Ano Jubilar Vicentino que celebram a Arquidiocese de Valência e outras três Dioceses espanholas, o Arcebispo de Valência, Cardeal Antonio Cañizares, dedicou uma Carta Pastoral na qual destaca a importância desta celebração e a figura do célebre Santo valenciano. São Vicente Ferrer "foi antes de tudo um evangelizador, um trabalhador incansável no anúncio do Evangelho, na obra evangelizadora da Igreja", expressou o purpurado.

Cardeal Cañizares celebra o início do Ano Jubilar Vicentino.jpg

"Em São Vicente Ferrer temos esse Santo, esse homem novo, esse evangelizador que, em sua época, levou a cabo uma obra de evangelização tão grande e transformadora como agora necessitamos", expôs o Cardeal Cañizares. "Como poucos impulsionou e levou a cabo a renovação da humanidade na Europa de seu século, pregando o Evangelho, com sinais e milagres que lhe acompanhavam, sobretudo com o testemunho da caridade a favor dos mais pobres".

Para o Arcebispo, São Vicente Ferrer levou a cabo um grande trabalho de reconstrução a partir do Evangelho da caridade, da alegria e da paz, e recordou os princípios do Evangelho em um momento histórico de "incerteza, de rachaduras de princípios, de relativismo e de relaxamento de costumes". As circunstâncias vividas por São Vicente Ferrer e sua resposta evangelizadora se propõem portanto como exemplo para a atualidade.

"São Vicente Ferrer, hoje, é um estímulo e um estímulo para não calar e oferecer a todos as riquezas da Igreja que não é outra que Jesus Cristo em quem temos todo o amor e a misericórdia que necessitamos para viver de outra maneira", expôs o Cardeal Cañizares, "construindo uma sociedade nova, uma nova Europa, uma nova Espanha e uma nova Valência, feitas de homens e mulheres novos com a novidade do Evangelho, que é o Sim maior e incondicional de Deus ao homem, a todo homem e mulher, e a realização plena e perfeita da nova arte de viver que Ele nos ensinou".

O purpurado recordou o trabalho do Santo em favor da paz e da unidade em momentos em que a Europa padecia as ameaças de ruptura originadas no cisma do Ocidente. "Sigamos as pegadas de São Vicente Ferrer que são as pegadas da santidade, as pegadas das Bem-aventuranças que proclamam ditosos aos pobres, aos misericordiosos, aos que choram, aos que trabalham pela paz, aos que confiam plenamente em Deus, escutam e se apoiam em sua Palavra, a cumprem", animou o Arcebispo. "Na vida dos Santos, como São Vicente Ferrer, que sendo homens como nós, se transformam com maior perfeição em imagem de Cristo, Deus manifesta ao vivo diante dos homens sua presença e seu rosto". (EPC)

Loading
Cardeal Cañizares celebra o início do Ano Jubilar Vicentino

Espanha - Valência (Segunda-feira, 09-04-2018, Gaudium Press) Por ocasião do início do Ano Jubilar Vicentino que celebram a Arquidiocese de Valência e outras três Dioceses espanholas, o Arcebispo de Valência, Cardeal Antonio Cañizares, dedicou uma Carta Pastoral na qual destaca a importância desta celebração e a figura do célebre Santo valenciano. São Vicente Ferrer "foi antes de tudo um evangelizador, um trabalhador incansável no anúncio do Evangelho, na obra evangelizadora da Igreja", expressou o purpurado.

Cardeal Cañizares celebra o início do Ano Jubilar Vicentino.jpg

"Em São Vicente Ferrer temos esse Santo, esse homem novo, esse evangelizador que, em sua época, levou a cabo uma obra de evangelização tão grande e transformadora como agora necessitamos", expôs o Cardeal Cañizares. "Como poucos impulsionou e levou a cabo a renovação da humanidade na Europa de seu século, pregando o Evangelho, com sinais e milagres que lhe acompanhavam, sobretudo com o testemunho da caridade a favor dos mais pobres".

Para o Arcebispo, São Vicente Ferrer levou a cabo um grande trabalho de reconstrução a partir do Evangelho da caridade, da alegria e da paz, e recordou os princípios do Evangelho em um momento histórico de "incerteza, de rachaduras de princípios, de relativismo e de relaxamento de costumes". As circunstâncias vividas por São Vicente Ferrer e sua resposta evangelizadora se propõem portanto como exemplo para a atualidade.

"São Vicente Ferrer, hoje, é um estímulo e um estímulo para não calar e oferecer a todos as riquezas da Igreja que não é outra que Jesus Cristo em quem temos todo o amor e a misericórdia que necessitamos para viver de outra maneira", expôs o Cardeal Cañizares, "construindo uma sociedade nova, uma nova Europa, uma nova Espanha e uma nova Valência, feitas de homens e mulheres novos com a novidade do Evangelho, que é o Sim maior e incondicional de Deus ao homem, a todo homem e mulher, e a realização plena e perfeita da nova arte de viver que Ele nos ensinou".

O purpurado recordou o trabalho do Santo em favor da paz e da unidade em momentos em que a Europa padecia as ameaças de ruptura originadas no cisma do Ocidente. "Sigamos as pegadas de São Vicente Ferrer que são as pegadas da santidade, as pegadas das Bem-aventuranças que proclamam ditosos aos pobres, aos misericordiosos, aos que choram, aos que trabalham pela paz, aos que confiam plenamente em Deus, escutam e se apoiam em sua Palavra, a cumprem", animou o Arcebispo. "Na vida dos Santos, como São Vicente Ferrer, que sendo homens como nós, se transformam com maior perfeição em imagem de Cristo, Deus manifesta ao vivo diante dos homens sua presença e seu rosto". (EPC)

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/94348-Cardeal-Canizares-celebra-o-inicio-do-Ano-Jubilar-Vicentino. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

Segundo o purpurado, “um cristão não pode deixar de ser alegre, otimista, e ter uma concepção ...
 
Igreja indiana na linha de frente nas horas dramáticas, quando o Estado de Kerala sofre violentas c ...
 
O Encontro Mundial das Famílias será realizado entre os dias 22 a 26 de agosto na Irlanda. ...
 
O Padre Pedro Pablo Garín, Vigário da Vida Consagrada, presidiu a Missa. ...
 
Um monge sonhou com uma imagem de Nossa Senhora que estava enterrada no alto de uma montanha de dif ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading