Loading
 
 
 
Loading
 
Graves fatos de violência revivem a perseguição na República Centro-Africana
Loading
 
8 de Maio de 2018 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

República Centro-Africana - Bangui (Terça-feira, 08-05-2018, Gaudium Press) Um grupo de ex-membros da organização rebelde Seleka são os principais suspeitos de um grave ataque realizado contra uma congregação de mais de dois mil fiéis católicos que assistiam a uma Missa campal no templo de Nossa Senhora de Fátima em Bangui, capital da República Centro-Africana. O atentado causou a morte de 24 pessoas, entre as quais se encontrava o sacerdote Albert Toungoumale-Baba.

Graves fatos de violência revivem a perseguição na República Centro-Africana.jpg

"Com meus próprios olhos vi três granadas jogadas em frente ao templo, graças a Deus em uma área sem pessoas, e uma granada jogada em meio de muitas pessoas reunidas ao ar livre no complexo", relatou à Ajuda a Igreja que Sofre, o Padre Moses Otii, que serve nessa mesma paróquia e se encontrava na celebração junto a mais 15 sacerdotes. "A granada foi jogada por trás dos muros da paróquia até a multidão na Missa".

O sacerdote explicou que as Missas ocorrem de maneira campal devido a notável afluência de fiéis que não cabem no templo. "Por isto tantas pessoas foram feridas. Eles começaram a correr em todas as direções; tínhamos gente quase em todas as partes, em nossos quartos, no refeitório, nos salões paroquiais, nossa cozinha, inclusive nos banheiros", indicou o sacerdote, que relatou que depois das explosões os terroristas abriram fogo contra os fiéis.

O Padre Albert Toungoumale-Baba, que perdeu a vida durante o ataque, servia como Coordenador de Justiça e Paz na Diocese de Bangui. Este sacerdote é o segundo a ser assassinado no último mês. O presbítero anterior a perder a vida por causa da violência foi o Padre Joseph Desire Angbabata, que protegia a refugiados no complexo de seu templo, o qual foi também atacado por rebeldes ex Seleka. (EPC)

Loading
Graves fatos de violência revivem a perseguição na República Centro-Africana

República Centro-Africana - Bangui (Terça-feira, 08-05-2018, Gaudium Press) Um grupo de ex-membros da organização rebelde Seleka são os principais suspeitos de um grave ataque realizado contra uma congregação de mais de dois mil fiéis católicos que assistiam a uma Missa campal no templo de Nossa Senhora de Fátima em Bangui, capital da República Centro-Africana. O atentado causou a morte de 24 pessoas, entre as quais se encontrava o sacerdote Albert Toungoumale-Baba.

Graves fatos de violência revivem a perseguição na República Centro-Africana.jpg

"Com meus próprios olhos vi três granadas jogadas em frente ao templo, graças a Deus em uma área sem pessoas, e uma granada jogada em meio de muitas pessoas reunidas ao ar livre no complexo", relatou à Ajuda a Igreja que Sofre, o Padre Moses Otii, que serve nessa mesma paróquia e se encontrava na celebração junto a mais 15 sacerdotes. "A granada foi jogada por trás dos muros da paróquia até a multidão na Missa".

O sacerdote explicou que as Missas ocorrem de maneira campal devido a notável afluência de fiéis que não cabem no templo. "Por isto tantas pessoas foram feridas. Eles começaram a correr em todas as direções; tínhamos gente quase em todas as partes, em nossos quartos, no refeitório, nos salões paroquiais, nossa cozinha, inclusive nos banheiros", indicou o sacerdote, que relatou que depois das explosões os terroristas abriram fogo contra os fiéis.

O Padre Albert Toungoumale-Baba, que perdeu a vida durante o ataque, servia como Coordenador de Justiça e Paz na Diocese de Bangui. Este sacerdote é o segundo a ser assassinado no último mês. O presbítero anterior a perder a vida por causa da violência foi o Padre Joseph Desire Angbabata, que protegia a refugiados no complexo de seu templo, o qual foi também atacado por rebeldes ex Seleka. (EPC)

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/95058-Graves-fatos-de-violencia-revivem-a-perseguicao-na-Republica-Centro-Africana. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

As celebrações seguiram o lema: “Com Lourenço servidor, do povo protetor, escutamos e anunciamo ...
 
Bispos da Igreja Caldeia Católica apelaram para o fim da guerra na Síria e em todo o Médio Orient ...
 
“A lei que penaliza o aborto provocado está a serviço de um valor altíssimo, que é a vida do n ...
 
Os jovens procurarão responder: “como brilhar aos olhos de Deus e descobrir a beleza da santidade ...
 
O objetivo da iniciativa é “compartilhar com jovens de distintos países europeus a alegria da F ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading