Loading
 
 
 
Loading
 
Bispos espanhóis destacam contribuição dos jovens para a Comunicação na Igreja
Loading
 
9 de Maio de 2018 / 0 Comentários
 
Imprimir
 
 

Espanha - Madri (Quarta-feira, 09-05-2018, Gaudium Press) Por ocasião da Jornada Mundial das Comunicações Sociais, que a Igreja celebrará no dia 13 de maio, solenidade da Ascensão do Senhor, os Bispos da Comissão de Meios de Comunicação Social da Conferência Episcopal Espanhola, tornaram público uma mensagem na qual refletem sobre as contribuições da comunicação para a Igreja diante do Sínodo dos Jovens que ocorrerá em Roma em outubro.

Bispos espanhóis destacam contribuição dos jovens para a Comunicação na Igreja.jpg

Na mensagem, intitulada "Jovens e comunicação, nas portas do Sínodo", os Bispos fazem eco de parte do documento final da reunião pré-sinodal que ocorreu na Cidade Eterna com a participação de 300 jovens, dois deles espanhóis. Eles expressaram o desejo de que "a Igreja esparza sua mensagem através dos meios modernos de comunicação e expressão" e pedem que se entenda a Internet como "um lugar fecundo para a Nova Evangelização".

Os Bispos, acolhendo ao chamado das novas gerações, falam da necessidade de "um sério discernimento" em relação com a comunicação hoje.

Em referência à Internet, as Novas Tecnologias da Informação e as novas gerações, os membros da Comissão de Meios de Comunicação Social apresentam um desafio: "A tradição da Igreja, já bimilenar, se transmite desde suas origens sobretudo de maneira escrita. Agora enfrenta o desafio de fazer-se audiovisual. Aceitar a missão de fazer visível e audível essa tradição escrita é um desafio que se pode assumir com os jovens. Com sua ajuda, a doutrina da Igreja poderá chegar a todos em uma linguagem compreensível para o novo ambiente cultural. Fazer possível esse fecundo intercâmbio entre a tecnologia e a sabedoria eclesial pode dar muito fruto se se estabelecem os âmbitos de encontro e cooperação necessários".

Também falam dos riscos que enfrentam os jovens com o uso das redes e novos meios: "Para sair deste risco é fundamental reforçar o papel da verdade na comunicação".

Neste sentido tomam como referência a Mensagem do Papa Francisco para a 52ª Jornada Mundial das Comunicações Sociais com o tema "'A verdade os fará livres' (Jo 8, 32) Fake news e jornalismo em paz", onde o Pontífice assinala: "a verdade é aquilo sobre o qual se pode apoiar para não cair. Neste sentido relacional, o único verdadeiramente fiável e digno de confiança, sobre o que se pode contar sempre, e dizer 'verdadeiro', é o Deus vivo".

Em outro momento, os prelados se referem ao perigo que implica um mundo hiperconectado onde a comunicação entre jovens está limitada aos similares, com falta de espaços e encontros entre as diferenças. "Diante deste risco, a vida da Igreja oferece sua valiosa experiência do encontro pessoal com o outro, com o diferente, em múltiplas iniciativas de todo o tipo para realizar de pessoa a pessoa e que pode supôr um bom equilíbrio para as relações virtuais e despersonalizadas", dizem a respeito.

Em outro ponto da mensagem, afirmam que "a Igreja se alegra pelos avanços que trazem as tecnologias da comunicação, não apenas para a sociedade mas também para sua própria missão de anunciadora do Evangelho", mas falam da necessidade de "incorporar a essas tecnologias os valores humanos".

"É agora mais necessária ainda a formação das pessoas nas virtudes, que são uma boa ferramenta para proteger-nos dos conteúdos nocivos, ao mesmo tempo que nos ajudam a descobrir os que nos faz crescer como pessoas", manifestam, para depois acrescentar: "A Igreja, especialista em humanidade, pode ajudar neste discernimento, ao mesmo tempo que orienta sua experiência na formação de pessoas a este novo campo, unindo virtudes".

Os Bispos concluem afirmando que "se os jovens contribuem com sua capacidade nas tecnologias da comunicação e isto se une à experiência do discernimento eclesial e sua capacidade de formar em virtudes, a comunicação pode ser mais uma vez o grande canal para o anúncio do mistério cristão que transforma a sociedade para o bem de toda a humanidade". (EPC)

Loading
Bispos espanhóis destacam contribuição dos jovens para a Comunicação na Igreja

Espanha - Madri (Quarta-feira, 09-05-2018, Gaudium Press) Por ocasião da Jornada Mundial das Comunicações Sociais, que a Igreja celebrará no dia 13 de maio, solenidade da Ascensão do Senhor, os Bispos da Comissão de Meios de Comunicação Social da Conferência Episcopal Espanhola, tornaram público uma mensagem na qual refletem sobre as contribuições da comunicação para a Igreja diante do Sínodo dos Jovens que ocorrerá em Roma em outubro.

Bispos espanhóis destacam contribuição dos jovens para a Comunicação na Igreja.jpg

Na mensagem, intitulada "Jovens e comunicação, nas portas do Sínodo", os Bispos fazem eco de parte do documento final da reunião pré-sinodal que ocorreu na Cidade Eterna com a participação de 300 jovens, dois deles espanhóis. Eles expressaram o desejo de que "a Igreja esparza sua mensagem através dos meios modernos de comunicação e expressão" e pedem que se entenda a Internet como "um lugar fecundo para a Nova Evangelização".

Os Bispos, acolhendo ao chamado das novas gerações, falam da necessidade de "um sério discernimento" em relação com a comunicação hoje.

Em referência à Internet, as Novas Tecnologias da Informação e as novas gerações, os membros da Comissão de Meios de Comunicação Social apresentam um desafio: "A tradição da Igreja, já bimilenar, se transmite desde suas origens sobretudo de maneira escrita. Agora enfrenta o desafio de fazer-se audiovisual. Aceitar a missão de fazer visível e audível essa tradição escrita é um desafio que se pode assumir com os jovens. Com sua ajuda, a doutrina da Igreja poderá chegar a todos em uma linguagem compreensível para o novo ambiente cultural. Fazer possível esse fecundo intercâmbio entre a tecnologia e a sabedoria eclesial pode dar muito fruto se se estabelecem os âmbitos de encontro e cooperação necessários".

Também falam dos riscos que enfrentam os jovens com o uso das redes e novos meios: "Para sair deste risco é fundamental reforçar o papel da verdade na comunicação".

Neste sentido tomam como referência a Mensagem do Papa Francisco para a 52ª Jornada Mundial das Comunicações Sociais com o tema "'A verdade os fará livres' (Jo 8, 32) Fake news e jornalismo em paz", onde o Pontífice assinala: "a verdade é aquilo sobre o qual se pode apoiar para não cair. Neste sentido relacional, o único verdadeiramente fiável e digno de confiança, sobre o que se pode contar sempre, e dizer 'verdadeiro', é o Deus vivo".

Em outro momento, os prelados se referem ao perigo que implica um mundo hiperconectado onde a comunicação entre jovens está limitada aos similares, com falta de espaços e encontros entre as diferenças. "Diante deste risco, a vida da Igreja oferece sua valiosa experiência do encontro pessoal com o outro, com o diferente, em múltiplas iniciativas de todo o tipo para realizar de pessoa a pessoa e que pode supôr um bom equilíbrio para as relações virtuais e despersonalizadas", dizem a respeito.

Em outro ponto da mensagem, afirmam que "a Igreja se alegra pelos avanços que trazem as tecnologias da comunicação, não apenas para a sociedade mas também para sua própria missão de anunciadora do Evangelho", mas falam da necessidade de "incorporar a essas tecnologias os valores humanos".

"É agora mais necessária ainda a formação das pessoas nas virtudes, que são uma boa ferramenta para proteger-nos dos conteúdos nocivos, ao mesmo tempo que nos ajudam a descobrir os que nos faz crescer como pessoas", manifestam, para depois acrescentar: "A Igreja, especialista em humanidade, pode ajudar neste discernimento, ao mesmo tempo que orienta sua experiência na formação de pessoas a este novo campo, unindo virtudes".

Os Bispos concluem afirmando que "se os jovens contribuem com sua capacidade nas tecnologias da comunicação e isto se une à experiência do discernimento eclesial e sua capacidade de formar em virtudes, a comunicação pode ser mais uma vez o grande canal para o anúncio do mistério cristão que transforma a sociedade para o bem de toda a humanidade". (EPC)

Conteúdo publicado em gaudiumpress.org, no link http://www.gaudiumpress.org/content/95095-Bispos-espanhois-destacam-contribuicao-dos-jovens-para-a-Comunicacao-na-Igreja. Autoriza-se a sua publicação desde que se cite a fonte.



 

Deixe seu comentário
O seu endereço de email não será publicado. Os campos marcados (*) são obrigatórios.



 
Loading
GaudiumRightPubli
Loading

Junto com a peça os visitantes podem assistir a um vídeo com os testemunhos das pessoas que partic ...
 
“A mensagem de Fátima continua a desafiar a uma atitude de oferta da própria vida a Deus e aos ...
 
As celebrações seguiram o lema: “Com Lourenço servidor, do povo protetor, escutamos e anunciamo ...
 
Bispos da Igreja Caldeia Católica apelaram para o fim da guerra na Síria e em todo o Médio Orient ...
 
“A lei que penaliza o aborto provocado está a serviço de um valor altíssimo, que é a vida do n ...
 
Loading


O que estão twitando sobre o

Loading


 
 

Loading

Loading